fbpx

Tarô dos Deuses Hindus

hindus_site 21

A história dos deuses hindus é fascinante. Cheia de beleza, riqueza, cor, criatividade, e, principalmente, crença e fé. É rica em acontecimentos sobrenaturais e para a maioria das pessoas pode parecer um tanto confusa. De uma forma resumida e simples, para facilitar a compreensão dos interessados no assunto, O Tarô dos Deuses Hindus tem a finalidade de mostrar como os magníficos deuses hindus podem participar, orientar, esclarecer e atuar nas nossas necessidades diárias. A vida dos hindus é repleta de religiosidade nos atos mais simples, e de rituais associados aos deuses. Deuses esses que, por sua vez, nos mostram características bastante próximas das características do ser humano.

Tarô dos Deuses Hindus é composto de 38 cartas. Elas estão distribuídas da seguinte forma: vinte cartas com a figura dos principais deuses hindus e seus atributos. Para o deus Ganesha serão encontradas duas cartas, sendo uma com um atributo e outra com o mantra do deus. Dezessete cartas com as mensagens das ações que o consulente deverá tomar e mais uma carta branca relacionada ao livre-arbítrio. Totalizando, então, 38 cartas. No livreto que acompanha o Tarô, há o significado de cada um dos deuses, sua história, seus atributos e como cada deus poderá lhe ajudar ou orientar nas suas questões. As cartas das mensagens orientam que ações, atitudes e comportamentos o consulente deverá ter em relação às suas questões.

LIMPEZA E CONSAGRAÇÃO DO TARÔ

Quando adquirimos um tarô devemos providenciar sua limpeza energética. Seu tarô não deve ser aberto sobre qualquer superfície. Portanto, obtenha um pano, uma toalha ou um lenço de sua preferência, onde seu tarô deverá sempre ser aberto. Abra o lenço, coloque todas as cartas do seu tarô aberto em forma de leque sobre o lenço ou pano de leitura, com as figuras voltadas para cima. Acenda um incenso de limpeza. Se não gostar de incensos, coloque no aromatizador água e gotas de uma essência de limpeza. Passe o incenso de limpeza por sobre as cartas abertas por nove vezes, com um movimento indo e voltando, no sentindo horário
e anti-horário, dez centímetros acima das cartas.
Prepare-se. Sente-se confortavelmente, coloque uma música suave para ouvir, acalme a mente. Feche os olhos e faça a inspiração dos Mantras OM e Gayatri como explicado anteriormente. Quando terminar a inspiração dos mantras, abra os olhos e olhe para as cartas do tarô que deverá estar aberto à sua frente. Separe a carta do deus Ganesha, na qual está escrito seu mantra, e coloque sobre o pano de leitura. Converse mentalmente, ou fale com esse deus em voz baixa, e peça a ele que aceite, abençoe e consagre seu tarô, e que após essa consagração seu tarô se transforme num instrumento divino de comunicação e orientação, sempre para propósitos puros, sinceros, elevados e abençoados.
Após essa mentalização, inspire de novo por três vezes o Mantra OM. Deixe as cartas abertas no local até o incenso terminar. Depois disso recolha suas cartas e use-as se for necessário, para uma leitura durante o dia. Faça o mesmo procedimento, repetindo a mentalização por três, cinco ou sete dias, conforme sua intuição lhe sugerir.

MANTRA

OM: palavra mística e sagrada, som primordial do universo, considerado o princípio, o meio e o fim, o som matriz que tudo originou. É o mais conhecido e poderoso de todos os mantras e quando entoado corretamente estimula os vários corpos do homem. Proporciona clareza e iluminação. Segundo a mitologia hindu, deus é Omnipresente – o que está presente em todos os lugares –, Omnisciente – que tem o conhecimento infinito – e Omnipotente – que tem poder infinito. Note-se a sílaba OM no começo de cada uma dessas palavras. Deus é eterno e sem forma, a alma é a suprema energia controladora de todo o universo. OM simboliza Deus como absoluto e sem forma.
OM é pronunciado no início e no final de rituais e orações. Ao pronunciá-lo, acredita-se que as vibrações criadas, promovem a união com a energia da alma.

Ao vocalizar o mantra OM procure manter a respiração profunda e regular. Inspire e ao expirar o ar emita de forma natural a sílaba sagrada, até completa expiração do ar. Sente-se de forma ereta, relaxe o corpo, mantenha a boca aberta e a língua no fundo do céu da boca. Sinta ao expirar o ar, a vibração que o som provoca na sua garganta.
GAYATRI MANTRA: É considerado o mantra da iluminação, completo e poderoso, atuando desde os aspectos mais sutis do ser até a matéria. É um hino dedicado ao deus Surya como força suprema. Significa “nós meditamos sobre a excelência da luz divina do Sol. Que ele possa iluminar nossas mentes”. Gayatri também é conhecida como uma das esposas ou consortes de Brahma.

Sua letra é:
“Om Bhúr Bhuva Swáhá, Tat
Savitur Varenyam,
Bhargo Devasya Dhimahi, Dhiyo
Yonah Prachodayat.”

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp Logo

Selecione uma Categoria